Estilistas abrem mão de salários milionários por um ano para enfrentar crise na moda

 Estilistas abrem mão de salários milionários por um ano para enfrentar crise na moda

Ralph Lauren renunciou pagamento de R$ 56 milhões; Michael Kors, Donatella Versace e Sandra Choi seguem o mesmo caminho

Os estilistas mais conhecidos do mundo da moda estão abrindo mão de seus salários milionários para  minimizar o impacto da crise econômica, causada pela pandemia de coronavírus, no mercado de luxo. Desde que o isolamento social foi iniciado, milhares de lojas foram fechadas, semanas de moda foram canceladas e profssionais do setor perderam seus empregos.