Coronavírus no Ceará: mais 300 respiradores chegam ao Estado nesta semana

 Coronavírus no Ceará: mais 300 respiradores chegam ao Estado nesta semana

Imagem: FCO Fontenele

Equipamentos estão em depósito na China, esperando liberação da alfândega para seguir ao Estado, de acordo com Camilo Santana.

Mais 300 respiradores para a ampliação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) exclusivos para combater a Covid-19 chegam ao Ceará até o fim desta semana. A informação foi divulgada pelo governador Camilo Santana (PT) durante transmissão ao vivo na noite desta segunda-feira, 1º. Os equipamentos, da China, já estão em fase de “desembaraço” para serem liberados para voo.

“Os respiradores já estão em um depósito na China, para passar por procedimentos como alfândega para que essa semana (o material) possa ser enviado”, afirmou o chefe do do Executivo estadual. Camilo afirmou que outros 31 respiradores, provenientes de São Paulo, após liberação judicial, chegaram a Fortaleza neste último fim de semana e foram destinados ao Instituto José Frota (IJF) e ao Hospital Emergencial Presidente Vargas.

O governador afirmou que, em meio a liberação gradual da economia e o fim do lockdown em Fortaleza e o início dele em mais sete municípios, os trabalhamos para ampliar a rede de saúde estadual seguem “fortemente”. Os 200 respiradores que chegaram ao Estado no dia 18 de maio seguem em distribuição para municípios do Interior, onde a pandemia está avançando. Atualmente, o estado conta com 2.648 leitos exclusivos de coronavírus abertos, sendo 756 de UTI e 1.892 de enfermaria.

Números da pandemia

O Ceará já possui 50.504 casos e 3.188 mortes por Covid-19. Os dados foram atualizados hoje, segunda, 1º de junho (1º/06), às 14h53min, pela plataforma IntegraSUS, da Secretaria da Saúde do Ceará (Sesa). Balanço desta segunda aponta ainda que 33.293 pessoas já se recuperaram da doença no Estado e 53.341 casos seguem em investigação.

Fortaleza é o município com o maior número de confirmações da patologia, com 24.104 casos confirmados e 2.084 mortes. Sobral, município distante 234,8 km da Capital, vem logo depois com 2.222 casos confirmados e 73 mortos, seguido de Caucaia (1.804 casos confirmados, 90 mortos) e Maracanaú (1.632 casos confirmados, 116 mortos).

Fonte: O Povo Online

Manuel Clarind